Raio X sobre Anonymous – Influências, Dúvidas e Inspirações

1-vendetta-guy-fawkes-mask-on-black-849146

Bom dia ciberespaço. Muita coisa aconteceu no intervalo que tivemos, onde migramos de endereço virtual, retornando agora ao wordpress no ritmo do calor do momento. A urgência dos acontecimentos solicitavam uma análise do Tecnocibernético.

De uma certa forma, o blog iconoclasta, deveria se voltar ao ocorrido no mês de junho passado. Todos nós fomos a rua, nos manifestamos. Não era apenas por 20 centavos ou pela passagem de õnibus. Apenas um estopim. Para transformar em realidade um inconformismo, uma revolta latetente dentro de cada brasileiro.

1044250_549449245111166_1139625834_n

Isso ficou evidente. No entanto, esse sentimento já existia faz um tempão, o nosso blog mostrou isso, em uma visão subjetiva, e temos que entender o momento globalizado, o impacto das redes sociais, dentro deste contexto.

E , sem dúvida, não podemos esquecer um grupo anônima que toma a frente dessa nova situação que se desenha. Anonymous. Esse é o nome de um grupo de pessoas, que se utilizam do anonimato para promover seu ciberativismo, e pode ser considerada a mola propulsora dessa agitação que tomou conta das ruas de todo mundo.

Essa ação virtual começou, em 2008, com protestos contra a Cientologia, depois que um video da seita de Tom Cruise vazou na internet, estiveram no Ocupe Wall Street, no ano seguinte aparecem nos protestos das eleições presidenciais no Irã, em 2011 aparecem na Primavera Árabe, em 2012 na Nigéria e ,em 2013, nas manifestações de junho no Brasil.

images (21)

Quem são eles?  Aparentemente, possuem ideologia de esquerda, mas agiriam em prol da extrema direita? Seriam anarquistas? Ou apenas um grupo de hackers mercenários? Eles usam máscaras, escondendo seus rostos, mostrando, de acordo com seu ponto de vista, que representam uma ideia. Uma ideia de revolta.

Assim, rompem com até então estabelecido. O diálogo por meio de instituições representativas. O culto da personalidade é atacado. O grupo não faz questão de se explicar, se considera uma legião e afirma ser ” o bobo da corte do rei com uma adaga na mão”. Tudo bem, mas isso não pode ser considerado argumento suficiente. Vivemos em um mundo de símbolos. Por meio deles, e pela técnica desenvolvida pelo blog, passaremos a levar isso em consideração.

guy_fawkes

Portanto, por esse ponto de vista, da cibercultura, observamos uma máscara. O que é essa máscara? Trata-se da representação , em forma de caricatura, de Guy Fawkes, um soldado católico,o personagem principal da Conspiração da Pólvora, ocorrida na Inglaterra, em 1605,quando se pretendia assassinar o rei protestante. Guy Fawkes foi preso e torturado. Sendo enforcado como mandava os figurinos da opressão da época.

Atualmente, em 5 de novembro, sua captura é celebrada, na conhecida “Bonfire Night” ( Noite das Fogueiras). Esse personagem real serviu de inspiração para Alan Moore conceber uma história de ficção científica, em forma de quadrinhos, chamada “V For Vendetta” ( V de Vingança), concebida em 1982.

Inspirada nessa história, em 2006, é lançado o filme, produzido pelos irmãos Wachowski, de Matrix, com algumas alterações, o que desagradou Alan Moore, nessa nova versão o anarquismo é colocado de lado, mudando assim a mensagem política e adequando, ao que os produtores chamaram, de algo mais relevante para o público no ano de 2006.

v-de-vinganca1

Então, é este filme que serve de influência para um grupo de ciberativistas. No entanto, cabe ressaltar a observação que fazemos a seguir, um ponto de vista interessante, de acordo com os símbolos da mídia. É curioso, mas a personagem de Natalie Portman no filme, Evey,uma menina do povo, da massa trabalhadora, portanto isenta de maldade, neste contexto; e funcionando como a vítima de plantão, nos passa a dúvida, se V , o defensor da liberdade por trás da máscara de Guy Fawkes, é  mesmo o herói ou se tornou a grande ameaça. Então, seguindo esse raciocínio, seria parte do sistema. Ou seja, o sistema a que está lutando contra.

Anúncios

1 comentário

  1. Muito bom o seu texto. Gostei muito! precisamos discutir mais sobre isto e avançarmos… Percebo que pensamos a mesma coisa sobre este assunto. Um forte abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: