DART VERDE – Os Redondos Estão de Volta na Cena

0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Dart Verde é uma banda que vive em Goiânia. Ouvi recentemente a demo deles. Gostei do som. Lúcio Malagoni,guitarra e teclados, Chico Kléber, guitarra e voz e Danilo M.Carneiro(guitarra). No áudio estavam acompanhados pelo baixista Marcelo Maia e o baterista Fred Valle. A produção foi realizada no Estúdio Volt, de Ricardo Darín. A logo deles faz alusão ao sinistro personagem de Star Wars, Darth Vader, agora da família Disney, mas segundo Lúcio, que não nega o trocadilho, o Dart sem a letra h diz respeito ao carro, o Dodge Dart, fabricado entre 1960 e 1976.

00000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000d

Essa reunião nos leva ao Céu de Metal e ao Alpha Rock, duas bandas goianienses dos anos 80. Danilo foi o guitarrista do Céu de Metal, grupo que contava com os vocais de Mário Martins.

Foi em 1984, na época já havia me apaixonado pelo Rock, e tinha um fã-clube chamado Metal Rock Brazil. Entrei em contato com eles para fazerem um show, mas não conhecia a rapaziada. Acabou que não rolou , já estavam encerrando as suas atividades, então chamei o Eclipse, de Rafael Veiga, Sérgio Valle e os irmãos Carlos e Cláudio Melo, do Studio K, que foram apelidados de “Krisp” devido ao nome do grupo. Logo depois, Jadson Jr (que viria a formar o Quarto Mundo com Joca) entrou no vocais, sendo substituído posteriormente por Mário Martins.

Já o Alpha Rock era o nome da banda, de Lúcio e Chico Kleber, que conheci tocando no Anéis de Saturno, um barzinho que ficava próximo à praça do Cigano. As apresentações aconteciam nas tardes de domingo. Marco Aurélio, o Corey da Língua Solta era o batera. No baixo tínhamos o Renato Marra. Depois mudaram o nome para Marca Registrada, já com Wagner Calil na bateria. No livro “Das Cores Ao Século XXI”, de Jadson Jr. que deve ser publicado em breve, já está no prelo, tem toda a história dessa galera.

Renato Marra, Corey, Chico Kleber e Lúcio

Renato Marra, Corey, Chico Kleber e Lúcio

Muitas primaveras se passaram, mas lembro que de Marca Registrada passaram a se chamar, salvo engano, de tempo e espaço, Décimo Sétimo Sexo, já com Mário Martins nos vocais e com Chico Kléber e Ivan Bueno na bateria. Lembro de uma apresentação dessa formação no Trem Azul, barzinho na avenida T-2, no Setor Bueno, fecharam a avenida, estacionaram um caminhão, encheram de caixas de som e usaram a boléia de palco onde os caras tocaram.
000000000000dart
Enfim, estamos no século XXI, então para reparar essa falta de memória fui lá no Google e descobri um recorte de jornal com foto e tudo mais.Lá estão eles na divulgação do festival Rock Drops que aconteceu em 1986. Os festivais já rolavam em Goiânia, tendo se iniciado em novembro de 1985 com o Rock Tok, em um único dia, com 20 bandas, cada uma tocava 3 músicas.
Na ocasião, era um adolescente de 14 anos, me apresentei com a Zona Urbana, que contava com Wagner Calil na bateria e Sylvio Pestana e Léo Hell nas guitarras. Danilo M.Carneiro e Mário se reuniram novamente para aquela data específica sob o nome N.Maus.
O evento ocorreu no Ginásio Rio Vermelho, na Avenida Paranaíba, no centro da cidade.
0000000000000000000000000000000000000000000Lucio
                                                                                                                   Foto: Julian F. Melgaço
Pois bem, o tempo passou, o século mudou e muita água passou embaixo do Meia Ponte, o rio que rasga a cidade de Goiânia, e anda meio boca, mas a amizade de Danilo, Lúcio e Chico Kléber continuou intacta.
Chico Kleber

Chico Kleber

Tanto que, apesar de suas obrigações, se juntaram novamente em torno da música. Daí surgiu o Dart Verde cujo breve histórico apresentado demonstra que a cumplicidade das guitarras empunhada por ambos ainda continua afiada.
Agora reforçada pelas cordas de Danilo. O som flui tranquilamente como se tivessem estado juntos e tocando durante esse tempo todo. Não percam cenas dos próximos capítulos, quando Dart Verde deve mostrar suas garras, nos acompanhe no blog e no Facebook, onde revelaremos o que eles andam aprontando.

 

Anúncios

2 Comentários

  1. muito massa!

Trackbacks

  1. O COICE -“Eu Sei Que Vou” – Single | Tecnocibernetico's Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: